Ofenda mais!

Ofenda mais!

Original art by Hugh MacLeod - @gapingvoid

Não acontece muita coisa quando você tenta agradar a todo mundo, todo o tempo. Nas palavras creditadas a Lenin – e usadas por meio mundo, inclusive péssimos cozinheiros: “Se você quer fazer uma omelete, tem que estar disposto a quebrar alguns ovos.”

As pessoas tendem a reagir dramaticamente quando são confrontadas com idéias que lhes parecem questionáveis. Ironicamente, são estes questionamentos que forçam as barreiras do conformismo e acabam estimulando mudanças reais.

Somos condicionados a não ofender, a sermos politicamente corretos (bleaaaargh!) e a não perturbar o status quo.

Na próxima vez em que você ouvir uma idéia que lhe dispare um “NÃO” autiomático, tente prar e pensar “Vai que…” Pode ser que haja uma maneira daquela idéia fazer sentido…

Chegar ao limite é o que aumenta o território e estimula o progresso!

(Esta é uma versão em português da newsletter de 15/12/2010 do cartunista americano Hugh MacLeod, o @gapingvoid)

One thought on “Ofenda mais!”

  1. Pena que os retrógrados e reacionários não tenham acesso a esse tipo de leitura. Se bem que, se tivessem, seriam mais abertos…

Comments are closed.